Buscar
  • Fernanda Costa e Andrade

Sua Empresa tem uma boa Análise de Crédito?


Sua Empresa tem uma boa Análise de Crédito?


Será que sua empresa tem uma boa análise de crédito? Ou Melhor, você sabe o que é uma boa análise de crédito? Já pesquisou a respeito? Toda empresa precisa ter um analista de crédito?


Neste conteúdo vou falar o que é uma boa análise de crédito e se você precisa ter em sua empresa.


Primeiro vamos explicar o conceito. O que é análise de crédito?


Análise de Crédito é o momento no qual o agente cedente irá avaliar o potencial de retorno do tomador do crédito, bem como, os riscos inerentes à concessão. Tal procedimento é realizado, também, com o objetivo de ser possível identificar os clientes que futuramente poderão não honrar com suas obrigações, acarretando uma situação de risco de caixa à organização.


Através da Análise de Crédito será possível identificar se o cliente possui idoneidade e capacidade financeira suficiente para amortizar a dívida que se pretende contrair. Além de definir as condições de pagamento, uma das finalidades da análise de crédito é garantir que a empresa não tome calote na operação. Isso porque, dependendo da renda e do comportamento com o dinheiro, os componentes precisam mudar: o valor principal, a taxa de juros e o prazo de pagamento.


A análise de crédito está mais presente em seu cotidiano do que imagina. Em qualquer operação financeira ou venda a prazo você passa por isso. Na hora de abrir uma conta em banco, de matricular seu filho na escola, de comprar um carro, de alugar uma sala... qualquer situação que possua parcelas a vencer, você está sendo analisado.


(Nossa Fernanda, que assustador... estamos sendo analisados a cada compra?)

Não, nem sempre...


Existem empresas e situações onde não passamos por uma análise, como por exemplo qualquer compra que fazemos a vista ou no cartão. Sabendo que, quando temos um cartão já fomos analisados anteriormente.


Então se você possui uma empresa onde só vende a vista ou no cartão, você não precisa de um analista de crédito ou de processos para a análise. Esses ramos de empresas estão livres.


Mas se você vende a credito próprio, em carteira, no boleto ou com pagamentos via depósitos ou cheques, precisa sim de uma boa gestão de crédito.

E para começar a gestão, você precisa de processos, ferramentas e pessoas para gerir seu setor de crédito.


(Ah Fernanda, já vem você de novo falando dos três pilares da cobrança.) Sim, e vou falar sempre.


No setor de crédito também precisamos dos processos bem definidos, das ferramentas que vão nos auxiliar nas analises e das pessoas bem treinadas para fazer o julgamento correto do que foi levantado.


Não adianta criar o melhor processo de análise de crédito, se a pessoa que está fazendo a análise não estiver capacidade técnica para avaliar, e não adianta ter o melhor analista se não tiver uma boa ferramenta para lhe ajudar com as informações.... mas uma vez eu digo que precisamos sim dos três pilares para ter uma boa gestão, seja ela de crédito ou de cobrança.


(Mas Fernanda, o que crédito e cobrança tem haver?) Tudo!!! Num outro conteúdo explico melhor o que tem em comum... mas se estiver muito curioso, já fiz um vídeo falando sobre evitar e minimizar a inadimplência. Lá explico um pouco sobre eles.


Bem, agora que já está esclarecido o que é uma analise de credito e que nem todas empresas precisam ter uma analista em sua equipe, vamos então falar o que é uma ao analise de credito.


Em minha opinião, (que fique bem claro que não sou especialista nisso), uma boa analise de credito é aquela onde fazemos uma analise consistente e que não engesse a empresa. O que a empresa menos precisa é de um cadastro gigante, perguntas intermináveis e um tempo enorme para liberar ou não o credito para a área de vendas.


Precisa de um cadastro com dados básicos e condições financeiras do credor, como CPF, nível de escolaridade, idade, estado civil, profissão e renda, contatos... entre outros.

Pode também solicitar referencias comerciais, contatos de parentes e se tratando de clientes pessoa jurídica, pode solicitar o contrato de constituição da empresa, bem como a última alteração contratual.


Enfim, peça dados que possam te gerar informação. O que adianta pedir um monte de coisa que não vai fazer nada com isso?


Vou te dar um exemplo. Um cliente meu um dia me ligou e disse que estava reestruturando o setor de vendas e estava criando um setor de análise de credito e que tinha reformulado o questionário e lista de documentação que o cliente precisaria enviar para abrir o credito para compras a prazo.

Eu pensei, que maravilha, meu cliente está crescendo e está preocupado com as vendas a prazo. Excelente, tudo que venho falando sobre gestão em cobrança está funcionando...

Ele me pediu se eu poderia ler o questionário e ajudar a incrementar com outros dados a serem coletados. Eu prontamente disse que sim.

Ele me enviou uma lista imensa de documentos que o possível cliente teria que enviar para poder abrir o credito. Cartão de CNPJ, contrato social da empresa, comprovante de endereço, contatos da empresa, telefones, e-mails... até ai tudo bem, dai continuei, documentação dos sócios, três últimos meses dos extratos bancários da empresa, relação de bens patrimoniais, ultimo balanço e balancete da empresa, ultimo IR dos sócios.... parei por ai... nem quis ler o resto... fiquei me imaginando enquanto cliente se eu gostaria de receber esta lista e se eu ia me dispor a enviar tudo isso para abrir um credito na empresa dele.

Peguei meu celular e liguei pra ele na mesma hora... fulano você leu a lista? Li Fernanda e achei ótima, bem completa, e você? Antes de responder, vou te fazer uma pergunta, disse para o meu cliente. Se fosse com você, você enviaria tudo isso ao seu fornecedor? Ele me respondeu meio com raiva, enviaria sim. Eu te pergunto de novo, o que você diz quando seu gerente do banco diz pra você enviar estes mesmos documentos para o banco, pois seu cadastro está desatualizado... dai ele riu e me disse, é mesmo né? Ta de mais... antes dele desanimar da lista e continuei com uma outra pergunta, o que vai fazer com os dados do balanço, balancete e IR de quem se dispor a enviar? Seu funcionário sabe ler e interpretar estes documentos?


Então turma, minha dica de uma boa análise de crédito é ter bom senso, cautela e criar uma análise consistente e segura.


Pesquise o que de fato precise saber e reduza ao máximo seu risco de crédito. Geralmente os sistemas de retaguarda possuem uns campos satisfatórios para seu ramo de atividade.


Uma boa gestão de crédito evita sua inadimplência e diminui o risco de seu cliente virar seu devedor.


Caso tenha ficado com alguma dúvida, entre em contato comigo, me chamo Fernanda Costa e terei o maior prazer em responder.


E não esqueça, se este texto foi útil pra você, curta, compartilha com seus amigos que tenham interesse sobre este assunto. “vem receber!!!”


Um Abraço e sucesso pra você!


#vemreceber #cobrançanaoesocobrança #fernandacostaeandrade #trabalhoduro #cobrança #inadimplencia #minimizarinadimplencia #evitarinadimplencia #soluçãoemcobrança #gestaofinanceira #consultoriafinanceira #consultoriaemcobrança #contasareceber #equipedecobrança #gestao360 #mentoriafinanceira #assessoriafinanceira #dom7 #melhoriacontinua #paixaopeloquefaço #melhorconteudo #disciplina #resiliencia


Me siga nas redes sociais e se inscreva no meu Canal do Youtube que enviarei conteúdos exclusivos para você.

Facebook: Fernanda Costa e Andrade

Instagram: @fecostaeandrade

YouTube: Fernanda Costa e Andrade

linkedin.com/in/fernandacostaeandrade

0 visualização

© 2018 por Fernanda Costa e Andrade.

  • Facebook
  • Instagram