Buscar
  • Fernanda Costa e Andrade

Os 4 principais motivos da inadimplência

Atualizado: 5 de Nov de 2018



De acordo com dados do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), 39,56% dos brasileiros entre 18 a 95 anos de idade estão com o nome sujo na praça.


Para quem possui um negócio, o primeiro passo para reduzir esse número é entender os motivos da inadimplência.


Ao conhecer os motivos, é possível traçar estratégias e abordagens para recuperar esse dinheiro — como oferecer melhores condições de pagamento, de acordo com a realidade financeira dos devedores.


Os principais motivos da inadimplência:


1. Desemprego


O desemprego é a principal razão da inadimplência no Brasil, de acordo com o levantamento do SPC Brasil. Segundo os estudos realizados em parceria com a CNDL, foi constatado que 38% dos inadimplentes deixaram de pagar as suas dívidas assim que saíram de seus empregos.


Nessas situações, as pessoas acabam priorizando o essencial e, por isso, deixam de arcar com as demais obrigações em seu nome.


2. Diminuição da renda


Com o aumento da taxa de desemprego e a diminuição de renda, o número da inadimplência também tende a aumentar. E isso não acontece só em razão do desemprego. O aumento da inflação também influencia na diminuição da renda, já que o dinheiro passa a valer menos e as pessoas perdem poder de compra.


3. Salário atrasado


Na crise que vivenciamos em nosso país, muitas empresas e órgãos públicos atrasaram o salário dos funcionários o que gerou um desequilíbrio orçamentário para as famílias, que tiveram que passar por momentos de adaptação. Com isso, algumas contas se tornam prioridades e outras ficam engavetadas.


4. Parcelamentos


Ao parcelar uma compra, a pessoa assume uma dívida que pode ser de médio ou longo prazo — e, muitas vezes, a inadimplência acontece porque a pessoa não adiciona o valor dessas parcelas em seu orçamento mensal.


Ofereça bons descontos para o pagamento à vista. Assim, é possível diminuir as compras parceladas, evitando clientes inadimplentes.


Caso tenha ficado com alguma dúvida, entre em contato comigo, me chamo Fernanda Costa e terei o maior prazer em responder.


E não esqueça, se este texto foi útil pra você, curta, compartilha com seus amigos que tenham interesse sobre este assunto. “time is money”


Um Abraço e sucesso pra você!


#cobrançanaoesocobrança #fernandacostaeandrade #trabalhoduro #cobrança #inadimplencia #minimizarinadimplencia #evitarinadimplencia #soluçãoemcobrança #gestaofinanceira #consultoriafinanceira #consultoriaemcobrança #contasareceber #equipedecobrança #gestao360 #dom7 #melhoriacontinua #paixaopeloquefaço #melhorconteudo #disciplina #resiliencia


Me siga nas redes sociais e se inscreva no meu Canal do Youtube que enviarei conteúdos exclusivos para você.

Facebook: Fernanda Costa e Andrade

Instagram: @fernandascostaeandrade

YouTube: Fernanda Costa e Andrade

linkedin.com/in/fernandacostaeandrade

0 visualização

© 2018 por Fernanda Costa e Andrade.

  • Facebook
  • Instagram